Na hora de deixar as suas fotos ainda mais incríveis e com uma “pegada mais profissional”, será que você acaba esbarrando em alguns pequenos erros que podem tornar o resultado final não tão bacana como você deseja?

Esse é um problema bastante comum, já que existem pequenos detalhes que podem atrapalhar o fotógrafo iniciante e acabar com o resultado daquela imagem tão bacana.

Por isso, nós separamos algumas dicas de fotografia com os erros mais comuns – e que podem estar impedindo você de fazer bons cliques. Confira.

1. Esquecer de analisar o fundo

Você pode ter a melhor luz, um ótimo enquadramento e uma cena incrível – mas se o fundo tiver algo chamando a atenção ou destoando, sua imagem estará perdida, já que todos os olhares ficarão concentrados naquele ponto em questão.

Em fotos de pessoas, vale à pena evitar as linhas que se cruzam com a cabeça e o corpo do modelo, que podem distrair quem vê a fotografia ou ainda dar a sensação que estão dividindo o corpo da pessoa fotografada.

Se a imagem for feita ao ar livre, essa mesma regra deverá ser seguida, já que as árvores ao fundo, por exemplo, podem dar a sensação de “galhos crescendo na cabeça” do modelo, algo nada agradável.

O mesmo vale para fotos com animais ao fundo, pessoas em posições engraçadas, objetos que não têm relação com a composição e assim por diante. Para evitar esse erro, movimente-se e busque outros ângulos mais favoráveis.

2. Enquadramento desfavorável

Dependendo do enquadramento que você planejar para a foto, o seu modelo poderá ficar sem mãos, sem pernas ou sem outros membros. Além disso, você também poderá passar uma sensação de “sufocamento” quando a fotografia não tem um espaço de “respiro” entre o que está sendo fotografado e a borda da imagem.

Todos esses são problemas de enquadramento e que podem ser resolvidos de maneira simples. Se for fazer uma foto de zoom de uma pessoa, ou até se estiver enquadrando uma paisagem, sempre deixe um espaço de respiro, como um pouco de espaço acima da cabeça ou nas laterais da imagem (mas pouco, evitando dar uma sensação desagradável à imagem).

Já ao enquadrar pessoas, nunca faça com que a fotografia “acabe” nas articulações. O ideal é que o corte seja feito entre as articulações ou no meio do abdômen. Se a imagem for de rosto, tente incluir também os ombros, evitando a sensação de uma “cabeça flutuante”.

3. Não focar corretamente

Existem muitos erros que você pode corrigir posteriormente com uma boa edição. Mas, se a foto está focada errada, é impossível salvá-la. Por isso, toda a sua atenção deverá ser em focar corretamente.

Quem usa o modo automático da câmera poderá sofrer muito com esse problema, já que a máquina tentará focar sozinha e pode ser que ela não acompanhe o movimento que você gostaria.

Por isso, tente aprender a usar o foco manual, o que também é muito interessante para desfocar o fundo ou fazer imagens em movimento, transmitindo sensações as suas fotografias e evitando aquele aspecto “chapado”.

4. Não se atentar ao balanço de branco

O balanço de branco (white balance) é uma informação vital para qualquer fotografia. Porém, é comum que muitos fotógrafos iniciantes deixem a opção no automático – o que não é ideal, já que cada ambiente possui uma luminosidade diferente.

Se essa opção estiver sempre no auto, você poderá acabar com fotos azuladas, alaranjadas ou esverdeadas, acabando com toda a sua intenção com a fotografia. Lembre-se de modificar essa opção para cada ambiente que for fotografar, buscando o equilíbrio correto e dando uma vivacidade diferente as suas fotografias.

5. Fotos com excesso de contraste

O contraste excessivo nas fotografias mostra muita diferença entre áreas iluminadas e regiões com sombra. Isso pode ser bem perceptível em fotos feitas em dias ensolarados ou em horários próximos do meio dia, por exemplo.

Nessas situações, você poderá usar o flash para preencher as áreas com sombra, além de tentar diminuir a exposição da imagem, corrigindo o problema.

6. Baixa exposição

Uma fotografia com baixa exposição é aquela que saiu mais escura do que deveria, já que não havia luz suficiente no sensor na hora do disparo. Você poderá notar esse problema no visor, antes de realizar o disparo.

Se a imagem parecer muito escura, ou com muita sombra, é sinal que a exposição não está adequada e você poderá corrigir aumentando a abertura do diafragma, permitindo maior entrada de luz.

Mas, tome cuidado, porque imagens com alta exposição também são problemáticas. Em dias com muito sol ou em ambientes com muita luz isso pode acontecer e, nesse caso, basta diminuir a abertura do diafragma.

7. Ponto focal indefinido

O ponto focal é o ponto central da imagem, para onde o olhar de quem observa a fotografia é atraído naturalmente. Podemos entender esse ponto como o “coração” de qualquer fotografia e por isso algo extremamente importante.

Antes de disparar a câmera, analise se o seu ponto focal está bem definido e aplique a regra dos terços, buscando posicioná-lo em um dos pontos de ouro da imagem. Lembre-se que uma fotografia sem um ponto focal, pode ficar sem graça e não conseguir transmitir nada a quem olha.

8. Não usar a linha do horizonte

A linha do horizonte é primordial para evitar que as suas fotografias fiquem tortas. Embora pareça algo óbvio, é sempre importante reforçar que a linha do horizonte deve estar sempre na horizontal.

Assim, antes de fotografar, confira se a linha do horizonte não está “caindo” para um dos lados, deixando a sua imagem torta. Em algumas câmeras, você pode ver a linha do horizonte no próprio visor, ajudando na hora de posicionar melhor a sua imagem.

9. Apenas fotografar no modo automático

Seja para facilitar a vida, ou seja por desconhecimento do próprio equipamento: muitos fotógrafos iniciantes simplesmente nunca mudam para o modo manual. Lembre-se que o modo automático não conseguirá fazer um estudo completo da sua imagem e das condições para a sua fotografia, e o resultado poderá ser pasteurizado.

Comece a se aventurar e fazer mais fotos no modo manual, modificando o foco, o balanço de branco, a velocidade do obturador, o ISO e outras informações – e você verá como suas fotografias ficarão bem mais interessantes.

E, então, gostou das nossas dicas de fotografia com os erros mais comuns dos fotógrafos iniciantes? Aproveite e compartilhe este conteúdo em suas redes sociais e ajude os seus amigos a fotografarem melhor!

_

    2 respostas para "9 erros que estão estragando as suas fotos!"

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado.

12 − 9 =